always

Para ler ouvindo:

Faz quase 10 anos que eu dei o primeiro beijo no cara que depois de muitos trancos e barrancos eu viria a descobrir que é o amor da minha vida. Dentro desses 10 anos já ficamos quase 7 meses diretos separados, isso em uma só das várias vezes que terminamos, mas no fim descobrimos que só somos felizes quando estamos um ao lado do outro. E tanto tempo depois cá estamos nós contando os dias até a nossa casa ficar pronta pra podermos começar mais uma fase na nossa vida. Tanto tempo depois ainda conseguimos nos apaixonar e descobrir coisas um do outro todo dia. Mas tudo não é tão lindo assim, não. Nós brigamos muito. Tem muita coisa que ele reclama de mim. Tem muita coisa que eu reclamo dele. Tem muita coisa que eu queria que ele mudasse e que ele também queria que eu mudasse, mas somos assim e ponto. Só que como a gente se gosta, faz uma forcinha pra deixar o outro contente e melhora, cresce, evolui. Pode até relutar no começo, mas os dois cedem, os dois se empenham, cada um faz a sua parte. E é aí que a gente se entende. E sabe, prefiro mil vezes uma briga sincera a um elogio mentiroso. Só falar ‘eu te amo’ não é o suficiente, precisamos de provas concretas. E apesar de tanta turbulência, eu tenho várias provas todos os dias do quanto nosso amor é grande e toda vez que eu olho nos olhos dele tenho a certeza de que é pra sempre. E isso basta.

 

 

ps. recado só pro Jorge quando ele ler esse post: Feliz dia dos Namorados, seu lindo!
 <3
o gif é daqui

Recomendado

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *