Sobre 2015.

Não vou fazer resoluções de ano novo. É muita cobrança pra poucas horas de ano. E porque daí no final a gente se frustra se alguma coisa da lista ficar pra trás. E eu quero leveza! Eu quero colher o que eu plantar, quero andar com a maré e ser feliz com simplicidade e do jeito que der!
 
Feliz 2015!
 

Recomendado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *