catarse

Não importa quem você seja ou o quão confiante você se sinta, sempre tem alguém que balança a gente e faz com que a gente se sinta um lixo. Às vezes é uma pessoa aleatória, mas muitas vezes é alguém de dentro da família. Como lidar? Como dizer para aquela pessoa que os comentários dela são maus e altamente destrutíveis pra você?
Eu já tentei revidar. Já tentei fazer os mesmos comentários maldosos, já tentei ser sarcástica. Mas acho que nesse quesito meu lado escorpião não falou tão alto e eu acabei me sentindo mal porque visivelmente eu deixei a pessoa baqueada. Eu até fico com muitos ódios dentro de mim, mas revidar me faz mal. E daí eu questiono: se eu me comportar da mesma forma serei como quem eu critico, e daí cadê a minha lógica fazendo pros outros o que eu sei que causa tanto mal em mim? E quem sou eu sentando em cima do meu rabo pra criticar coisas que eu já fiz muito e ainda faço? Todo mundo segue um caminho e todo mundo quer ser melhor. Quem sou eu pra questionar?
A boca verbaliza o que o coração está cheio.
O que você tem dito por aí?
– Juh, catarseando.

Recomendado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *