in-finita

Olhando pra infinitude do mundo, a gente percebe a finitude de si mesmo e descobre que todo segundo tem que ser vivido como se fosse o último.

Recomendado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *