te sonhei comigo no cinema

5 da manhã. Acabei de acordar de um sonho com você. Você sempre aparece por aqui, está sempre em cartaz nos cinemas da minha cabeça. Os letreiros brilhantes exibem nomes de filmes fictícios que protagonizamos juntos. Nos cartazes que enfeitam as paredes estão os nossos beijos, congelados e eternizados em pedaços de papel brilhante e colorido. A trilha sonora nos embala e nos faz dançar. Na sala, na chuva, na cama… A classificação etária é +18. Também pudera. Não consigo me controlar perto de você. E não tem lugar onde não possamos fazer amor. Até no próprio cinema, com pessoas nos vendo na tela, estamos nós lá, na última fila, isolados e enrolados num abraço. Tanto beijo que dói os músculos da bochecha. Minha pele vermelha de tanto que você me aperta, meu pescoço molhado com a tua saliva… Teu gemido no meu ouvido, me arrepiando inteira. Os corpos explodindo, gritando por um lugar privado onde possam concretizar o desejo. Mas daí as luzes se acendem. Todo mundo sumiu. O filme acabou. Os créditos finais sobem pela tela e ali está só o meu nome e de mais ninguém. Eu, como sempre, só.
– Juh Bassan

Recomendado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *